Com a internet na palma das mãos e um oceano de possibilidades, as pessoas dificilmente querem sair de casa para fazerem compras. Mas, como vender pela internet em 2020? Em primeiro lugar, você sabe que este é um tipo de negócio que vem crescendo nos últimos anos, mas é preciso saber como conquistar uma fatia desse público.

A pandemia de Covid-19 ajudou a diminuir a burocracia em alguns atendimentos, principalmente os realizados pelo governo federal. Além disso, muitas pessoas que não tinha o costume, começou a comprar pela internet: tênis, televisão, jogos, roupas e acessórios são apenas alguns dos itens mais vendidos.

Além disso, as vendas podem ser focadas nos serviços de delivery de comidas, como pizzas, hambúrgueres ou sushi. Então, existem diversas possibilidades quando o assunto é vender pela internet, seja para quem já possui uma empresa ou para quem está pensando em abrir o próprio negócio.

E-commerce ou marketplace?

O e-commerce é uma loja virtual, onde são vendidos produtos apenas de uma marca ou empresa. Por exemplo, você pode desenvolver um destes diretamente no site da sua empresa. Assim, os clientes terão acesso a todos os produtos e poderão fazer as suas compras.

O marketplace é uma maneira de anunciar online gratuitamente, funciona como um shopping center virtual. Neste caso, podemos exemplificar como a OLX ou o Mercado Livre, onde o empreendedor pode vender basicamente qualquer produto.

Aqui nós destacaremos principalmente ações para o desenvolvimento de um e-commerce, ajudando você que deseja saber como vender pela internet.

O seu negócio deve estar preparado para a internet

Antes de pensar em vender pela internet é preciso ter essa questão em mente: o seu negócio está pronto para vender online? Os números do e-commerce não param de aumentar, ainda mais na situação atual que estamos vivendo e que deve continuar até o desenvolvimento de uma vacina contra o Covid-19. Ainda assim, é preciso estar preparado para vender pela internet.

Talvez o mais interessante seja concorrer contra empresas pequenas ou quem sabe no mercado aberto, onde a concorrência é bem mais forte. Por isso, é importante elaborar um plano de negócios, identificando quais são os fornecedores e quem são os potenciais clientes. Aliás, as vendas pela internet podem se tornar algo maior do que a sua loja física.

Essa dica combina muito bem com os itens que citaremos a seguir. Então, para vender pela internet é preciso ter uma boa infraestrutura, para que os pedidos sejam rapidamente anotados e avaliados. Assim como o site deve ser veloz e bem otimizado.

Como é o site da sua empresa?

Já falamos diversas vezes aqui no blog da EngajaTech: as pessoas querem coisas práticas e rápidas. Além disso, o Google e outros buscadores levam essa questão em consideração no momento de ranquear os sites. Dessa maneira, tudo o que tiver na página do seu negócio deve funcionar corretamente, se não funciona, é melhor remover.

As pessoas não querem ficar perdendo tempo na página do seu negócio. Sabe aqueles cadastros enormes, onde é preciso colocar até a cor favorita? Servem apenas para afastar o seu produto de uma possível venda. Então, quanto mais etapas existirem entre o momento de acessar o site e da conclusão da compra, mais chances há de desistência.

Outro fator muito importante é a velocidade do site, algo levado em consideração quanto ao ranqueamento e que incomoda os usuários. Afinal, não tem nada pior do que sites que demoram para carregar e ainda existem várias páginas que devem ser carregadas até chegar no objetivo.

Os consumidores também não gostam de sites que possuem diversos anúncios, deixando tudo bagunçado. Por outro lado, as imagens pequenas também não são indicadas. Por fim, a última dica quanto ao layout dos sites é para que exista um bom contraste entre a cor de fundo a o tom das letras.

Forneça somente informações verdadeiras

Você já foi enganado durante alguma compra online? Muitas pessoas ainda possuem medo de fazerem compras pela internet, já que nos primeiros anos do século XXI, quando o sistema recém havia sido lançado, golpes eram comuns.

Uma forma de conquistar os clientes é ser verdadeiro, para que eles fiquem interessados pelo seu produto e comprem novamente. Então, informe no seu site tudo o que é necessário no processo de venda, não omita informações.

Haverá cobrança de frete? Qual é o prazo de entrega? Diga tudo o que é preciso! Além disso, existem regras específicas quanto ao funcionamento de empresas virtuais.

Aliás, é preciso ter uma boa logística quanto ao transporte da mercadoria, é melhor que ela seja entregue antes da data limite. Quando as pessoas fazem compras pela internet, elas não tem contato com o produto, por isso ficam mais ansiosas.

Troca e devolução

É preciso definir de uma maneira clara e objetiva a política de troca e devolução, para não ter problema com clientes.

Isso ajuda a evitar questões judiciais e ajuda a conquistar o público. Aliás, o empreendedor deve lembrar que o consumidor não terá acesso ao produto antes, então quando chegar no endereço escolhido, talvez não seja aquilo que estava esperando.

Como vender pela internet? Seu negócio deve estar presente no mundo virtual

Não adianta apenas ter um site bonitinho, isso por si só vai atrair poucas vendas para o seu negócio. É preciso investir em algumas outras ferramentas, como a criação de um blog que permita falar sobre os produtos e serviços oferecidos pela empresa.

A sua página pode contar com um chatBOT, para responder automaticamente todas as dúvidas dos potenciais clientes. Assim como contar com um e-mail específico gera mais confiança no momento dos atendimentos. E claro: o número de telefone para contato deve ser visível.

A sua empresa deve estar presente nas redes sociais, é preciso ter uma página no Facebook e no Instagram, no mínimo. Dessa forma, será possível cativar o público-alvo, mostrando como o seu produto pode ser interessante para eles e gerando aquela sensação de necessidade.

Faça o seu produto chegar mais longe

Como vender pela internet? Algumas pessoas até sabem o que deve ser feito, mas se esquecem de alguns detalhes básicos. Para que o site chegue a mais pessoas, é fundamental investir nas técnicas de SEO e também SEO local, dependendo do seu negócio.

Com o SEO todo o seu conteúdo será otimizado, de uma forma que os motores de busca classifiquem bem. Aliás, hoje em dia aparecer na primeira posição do Google é um dos passos mais importantes para lucrar com a internet. Acontece que os sites de busca são a principal forma de buscar informações pela web.

O SEO funciona de uma forma orgânica, para permitir que o seu conteúdo fique bem posicionado. Dessa maneira, é interessante trabalhar bem o site, adicionando palavras-chave e informações consistentes. Não é algo rápido, os resultados podem até levar 1 ano, mas certamente serão positivos.

Vale a pena investir em campanhas

Junto com um SEO bem trabalhado, vale a pena investir em campanhas pagas, para que o seu conteúdo chegue a mais pessoas. Assim, o Google e o Yahoo, por exemplo, trabalham com plataformas de anúncios, onde é preciso pagar para aparecer nas primeiras posições, é um leilão de palavras-chave.

O Facebook Ads permite a criação de anúncios para esta rede social e também para o Instagram. Com isso, dá para filtrar o público específico, entre homens e mulheres, pela idade e conforme algumas outras características pertinentes.

Um pouco mais sobre o seu site

Não tem jeito, o site é a grande estrela das vendas pela internet. Por isso, ele deve levar as características que já citamos: deve ser rápido, não pode ter enrolação e precisa oferecer as informações necessárias. Além disso, a página da sua empresa na internet precisa ser extremamente segura.

A pessoa precisa se sentir confortável para colocar o seu número de cartão de crédito em um site. Então, é necessário ter este suporte, permitindo que as vendas sejam feitas sem estresse e sem risco.

Quais serão as formas de pagamento?

Se você está decidido a vender pela internet, precisa decidir quais serão as formas de pagamento. Assim, é importante que sejam permitidas emissões de boletos e que sejam aceitos diversos cartões de crédito ou débito.

De modo geral, existem três alternativas quanto as formas de pagamentos:

  • Gateway: são ferramentas comuns nas lojas virtuais e administradas por bancos;
  • Intermediadores: são empresas que terceirizam o pagamento dos clientes;
  • Integração direta: é um sistema que conecta a sua loja virtual com as operação de cartões.

Faça uma análise aprofundada sobre cada uma delas, para definir qual será a mais interessante para o seu negócio.

Afinal, como vender pela internet?

Quer saber como vender pela internet? É só pegar todas essas dicas, colocar no liquidificador e bater. Essa é a receita, certamente o seu site ficará mais atrativo e a sua empresa poderá começar a lucrar com e-commerce.

A EngajaTech pode ajudar a deixar a página da sua empresa com um layout mais limpo, dinâmico e otimizado. Além disso, contamos com uma equipe completa, para manter o seu site atualizado e melhorar a imagem do seu negócio na internet.

Entre em contato agora mesmo e seja nosso parceiro, vamos trabalhar juntos nesta missão de vender pela internet!