As palavras são poderosas e podem contribuir para a ampliação nas vendas de sua empresa. Mas, será que você está fazendo isso da maneira correta? Os resultados estão sendo positivos? Aqui você vai entender qual é a importância do Copywriting, para que os dados se tornem muito mais positivos.

Copywriting nada mais é do que uma estratégia voltada para a produção de conteúdo, com o objetivo de convencer o leitor a realizar determinada ação. Ou melhor, o conteúdo é produzido pensando nos gatilhos mentais para que a taxa de conversão se torne mais ampla. Mas, se você ainda não consegue fazer isso, nós podemos ajudar.

O marketing digital depende de diferentes ferramentas, como a produção de textos, sendo que a aplicação dessa estratégia certamente trará benefícios para o seu negócio.

O que é Copywriting?

Você não deve confundir Copywriting com copyright. O segundo trata do direito exclusivo do autor, compositor ou editor de imprimir, reproduzir ou mesmo vender a sua obra, seja ela literária, artística ou científica. Já o primeiro, é uma estratégia de produção de conteúdo voltado para convencer o leitor a realizar de determinada ação.

Esse conceito está longe de ser uma novidade, embora tenha ganhado popularidade nos últimos anos. Assim, copywriter é o profissional responsável pela produção do texto, o “copy”, que deve ter caráter persuasivo, com a utilização de gatilhos mentais, com o objetivo de tornar o leitor interessado pelo conteúdo que está sendo entregue.

Essa palavra foi citada pela primeira vez em 1828 por Noah Webster, mas naquela época “cópia” representava algo original e que deveria ser imitado. É uma expressão que seguiu popular entre os jornalistas e impressores, tanto que no século passado os copywriters passaram a ser os redatores publicitários.

O objetivo central do Copywriting

O principal objetivo do Copywriting é fazer com que o leitor do conteúdo tome alguma iniciativa. A partir disso, não adianta apenas ler o texto e seguir a sua vida normalmente. Realizar um download, ler outro post do seu blog ou mesmo assinar uma newsletter são algumas das possibilidades.

De modo geral, é necessário convencer o leitor a tomar alguma medida, cativando a sua atenção, fazendo com que ele siga as instruções passadas. Por isso, é preciso ressaltar quais são os benefícios do seu produto, por exemplo, ou citar porque o seu negócio é o melhor.

Marketing de conteúdo: saiba o que é

O marketing de conteúdo tem como objetivo principal desenvolver campanhas voltadas para o público-alvo. Dessa forma, podem ser produzidos vídeos, textos e fotos pensando na reação de quem está do outro lado, tentando agradar a audiência. Mas, não adianta produzir por produzir, é preciso entregar um produto que agregue a vida das pessoas.

O marketing de conteúdo deve ser pensado para criar uma relação de longo prazo, gerando uma rede de clientes fiéis, que sabem da qualidade do seu serviço. Por outro lado, o marketing de conteúdo não tem nada a ver com a antiga publicidade invasiva.

É uma técnica que pode ser empregada para um cenário regional, fazendo com que o seu negócio passe a ser visto como uma referência. Aliás, é preciso vender autoridade sobre determinado conceito, só assim as pessoas vão valorizar o seu produto.

A relação entre Copywriting e marketing de conteúdo

Em primeiro lugar, os dois consistem em práticas antigas, muito mais do que a própria internet. Mas, com o desenvolvimento da rede mundial de computadores e que hoje é acessada por diversos dispositivos móveis, ganhou uma nova cara.

Tudo bem, os dois possuem o objetivo de realizar uma venda, mas o conteúdo não precisa e nem deve ser totalmente desenvolvido pensando nisso. Aliás, o copywriting nem sempre é focado nas vendas, conforme já citamos anteriormente.

Levando isso em consideração, é interessante fazer um trabalho em etapas, para que a pessoa seja fisgada de uma maneira orgânica. Por um lado, o marketing de conteúdo ajuda a engajar o público-alvo, baseado em estratégias de negócio, estimulando o leitor, por outro, o copywriting aparece como diferencial neste processo.

Os dois possuem um desafio em comum: conhecer bem as pessoas que consomem o conteúdo produzido. Assim, são criadas as famosas personas, que ajudam com esse procedimento. Além disso, é necessário tentar solucionar dúvidas das pessoas e apresentar boas alternativas para elas.

Apresente um conteúdo diferenciado

Jamais pense em copiar um texto de outro site ou mesmo parágrafos. Isso é péssimo e vai jogar o seu conteúdo lá para baixo. Dessa maneira, é fundamental ser autêntico, produzindo conteúdos novos e diferenciados.

Uma boa opção é falar sobre as suas experiências ou sobre a de outras pessoas, em relação ao seu produto ou serviço. Assim, fica mais fácil para falar diretamente com os clientes, destacando os pontos altos do seu negócio.

Entenda o que o seu público quer

O Google e os outros buscadores estão cada vez mais inteligentes, por isso eles conseguem classificar o que é bom e o que é ruim. Aliás, o grande objetivo é oferecer a melhor experiência aos usuários, por isso é interessante focar em algumas questões.

Se você tem um site e trabalha com vendas online, o blog não precisa ser focado somente na conquista de novos clientes. Vez ou outra é bacana postar conteúdos interessantes, envolventes e que solucionem problemas do seu público-alvo.

Além disso, as palavras podem ser reforçadas com a adição de imagens, infográficos e vídeos, que vão completar o conteúdo e deixá-lo mais bacana.

Você já ouviu falar sobre a fórmula AIDA?

A fórmula processo de Atenção, Interesse, Desejo e Ação (AIDA) é conhecida por ser um dos métodos mais interessantes para levar pessoas a tomarem um posicionamento. Em relação ao copywriting, é bastante utilizada no desenvolvimento de textos persuasivos, em relação a determinado produto.

Os objetivos são variados, como a venda de um produto, o agendamento de uma visita ou a inscrição para um evento. Veja a seguir os quatro passos para que a fórmula AIDA seja executada com sucesso:

  • Atenção: provavelmente você não é o único a vender determinado produto, por isso precisa mostrar por que ele é o melhor. Textos, vídeos e imagens podem ser usados para convencer os potenciais clientes;
  • Interesse: o cliente precisa ter o primeiro contato com o seu negócio e depois disso manter interesse no que é oferecido. Assim, é fundamental apresentar bons argumentos para convencer o público;
  • Desejo: já com interesse, as pessoas devem começar a desejar os produtos da sua empresa. Para isso, é preciso estimular o consumidor de maneira positiva;
  • Ação: é a última etapa e o momento de direcionar o cliente à compra do produto. Se chegou até aqui, é preciso não errar e consolidar a venda.

Além da AIDA, existem outras técnicas que podem ser colocadas em prática, fazendo valer a importância de Copywriting na realização de vendas e no convencimento de pessoas.

De modo geral, qual a importância do Copywriting?

A importância de copywriting é melhorar o relacionamento com o seu público, entregando um conteúdo bacana, diferenciado e inovador. Dessa maneira, a conversão vai ficar mais fácil.

Então, a principal importância é essa: fazer com que as pessoas confiem na sua marca e desejem ter os seus produtos, ou que leiam mais posts no seu site. Tudo isso é feito com o uso dos gatilhos mentais e outras técnicas.

Melhore o desempenho do seu site, tenha um ótimo copywriting

Percebeu como pode ser bacana para o seu negócio ter um conteúdo produzido diretamente pensando no copywriting? A EngajaTech tem uma equipe completa, para garantir a entre dos melhores resultados.

Por isso, é preciso pesquisar e escolher boas palavras-chave, que sejam fáceis de ranquear, além de garantir um material que realmente conquiste o público. Além disso, o SEO é importante, porque o Google está cada vez mais inteligente.

Entre em contato agora mesmo e seja nosso parceiro, aqui não prometemos nada, mas entregamos resultados surpreendentes!