A internet chega cada vez em mais lares brasileiros, seja por meio dos computadores ou dos dispositivos móveis, como os celulares. Por isso, é crescente o número de produtos para vender online, constituindo uma enorme gama de alternativas, tanto para quem produz como para quem trabalha como vendedor.

Pode até ser difícil saber o que vender online, já que existem diversos produtos que podem servir neste sentido. Somente no mundo digital há uma vasta lista, são produtos entregues de maneira online, onde o cliente tem acesso já no momento em que realiza o pagamento. Assim como existem itens físicos que são entregues nos endereços dos consumidores.

Para vender online é necessário ter um e-commerce próprio ou então trabalhar com uma plataforma específica, mas isso é assunto para outro post. Os produtos para vender online são diversos, eles precisam ser anunciados com criatividade e cativar o público-alvo, aumentando o número de vendas realizadas.

É crescente o número de produtos para vender online e vendas pela internet

O comércio eletrônico faturou R$ 75,1 bilhões no Brasil em 2019, registrando um aumento de 22,7% em relação a 2018, conforme informações do relatório NeoTrust. A análise é feita com base em dados trimestrais, coletados pela empresa de inteligência de mercado Compre&Confie.

Outro dado positivo é em relação ao número de pedidos, que aumentou 22,5% em relação ao ano anterior, totalizando mais de 178,5 milhões de compras feitas pela internet. Por outro lado, o que não cresceu muito foi o tíquete médio, com elevação de 0,2%, chegando a R$ 420,40. As mulheres dominam este cenário, responsáveis por 52,1% dos pedidos, mas com um tíquete médio abaixo dos homens.

E com a pandemia de COVID-19, os números em 2020 devem ser ainda mais positivos. A expectativa é que o tíquete médio suba 2% neste ano e chegue aos R$ 430,00. Ainda em relação a 2019, houve uma elevação de 40,6% no número de consumidores únicos, totalizando 31,4 milhões de pessoas que realizaram comprar pela internet.

Com todo esse cenário positivo pela frente, produtos para vender online é o que não falta. Então, se você trabalha com o desenvolvimento de algum item, a internet é um dos melhores lugares para vender. Assim como funciona como um mercado interessante para os chamados afiliados digitais.

Produtos para vender online: aposte no mercado digital

Os chamados infoprodutos aparecem entre as melhores alternativas de produtos para vender online. Consistem em materiais que são entregues aos usuários no momento em que o pagamento é aprovado, como cursos, e-books e guias completos sobre os mais variados assuntos.

Um dos grandes atrativos do mercado digital é aquela promessa de devolução do dinheiro caso o consumidor não goste do produto. Por mais que isso seja declarado no momento da venda, saiba que pouquíssimos compradores pedem o reembolso, embora possam continuar com o produto, já que é digital.

Outro destaque favorável em relação às vendas online é que diferente dos produtos físicos, basta criar uma vez um e-book e ele poderá ser copiado quantas vezes for necessário. Além disso, não será necessário se preocupar com a entrega, já que essa acontece por e-mail.

E-books

Os e-books são considerados livros digitais, que ganharam muita fama ao longo dos últimos anos. Assim, podem ser feitos para os mais diversos ramos, com foco na culinária, no emagrecimento ou em dicas para aprender inglês. O melhor de tudo é que praticamente qualquer pessoa pode escrever, desde que tenha verdadeiras habilidades em uma área.

Muitas pessoas sonham em publicar um livro, mas esse não é um simples procedimento. Porém, com o avanço da internet é possível desenvolver um e-book, combinando textos completos com imagens ilustrativas. Ou seja, você terá o próprio livro digital para chamar de seu.

Os e-books estão cada vez mais populares e o mercado de pessoas que consomem este produto não para de aumentar. Dessa maneira, existem diversos sites que permitem a publicação deste conteúdo para venda, como é o caso da gigante Amazon. Além disso, os e-books podem ser vendidos por plataformas digitais como Hotmart e Monetizze.

Cursos online

Assim como a venda de e-books, a venda de cursos online também faz sucesso nas plataformas de marketing de afiliados. Não é algo tão novo, até poucos anos atrás era possível encontrar diversos vídeos explicativos e completos no YouTube, o que tem sido cada vez mais raro. Os produtores destes materiais estão migrando para plataformas pagas, como a Udemy.

Essa é uma opção valiosa principalmente para quem é especialista em alguma área, com certificados e premiações. Os usuários adoram comprar cursos com pessoas que são referências em determinada área. Então, se você atende estas expectativas, saiba que é uma boa opção para ganhar dinheiro na internet.

Softwares e aplicativos

Os softwares para computadores aparecem entre os produtos que mais vendem pela internet. Por mais que muitas pessoas ainda utilizam sistemas piratas, as empresas desenvolvedoras estão cada vez mais rigorosas e aumentando o controle. Por isso, a venda de softwares originais cresceu bastante.

Os aplicativos para celulares também aparecem entre os mais interessantes para quem deseja trabalhar com vendas pela internet. Essa é uma categoria que muitas vezes é deixada de lado, mas que aparece entre as mais lucrativas.

Computadores e acessórios

As pessoas não gostam muito de comprar computadores em lojas, já que eles não podem ser personalizados. Pelo menos em relação aquelas grandes lojas do varejo, que possuem diversos modelos de notebook, mas nenhum parece ser dos mais agradáveis.

Por isso, uma boa sacada é investir em uma loja virtual que permite a montagem de computadores e notebooks. Dessa forma, o consumidor pode escolher quais são as peças que deseja ter na sua máquina. Mas, para isso é preciso que siga alguns padrões, já que existem peças que não cabem numa carcaça, então o sistema de vendas e seleção deve ser bem montado.

Além disso, trabalhar com a venda de acessórios para computadores é uma grande ideia, como fones de ouvido, mouses especiais e teclados. Os e-sports estão cada vez mais fortes, pagando prêmios milionários e instigando cada vez mais jovens a investirem pesado em máquinas potentes e produtos gamers para facilitar a jogabilidade.

Por outro lado, esse ramo de vendas online exige um estoque grande de produtos, de marcas e modelos variados. Então, o investimento precisa ser pesado, algo que nem todas as pessoas conseguem bancar.

Itens de moda e seus acessórios

Um nicho de mercado que todos os anos movimenta bilhões de reais com vendas online é o da moda e seus acessórios. Acontece que as pessoas adoram renovar seus guarda-roupas com a compra de novas peças. E elas nem sempre possuem tempo para sair de casa e fazer suas escolhas.

O problema neste caso é que também será necessário contar com um grande estoque de peças, de marcas, modelos, tamanhos e estilos diferentes. A não ser que você monte uma loja focada em um único segmento. Veja algumas ideias de itens de moda e acessórios para vender:

  •   Roupas esportivas;
  •   Roupas para eventos;
  •   Calçados;
  •   Carteiras;
  •   Chapéus;
  •   Bonés.

Além destes itens, existem muitos outros que podem completar o portfólio do seu negócio. O importante é pensar em produtos para vender online o ano inteiro, aqueles que são focados em uma estação podem não ser tão interessantes para quem está começando em um negócio.

Outros produtos para vender online

O mercado digital não para de crescer, como você já percebeu no primeiro tópico deste texto. Mas, é melhor focar na venda de um produto ou de uma linha de produtos específica do que atirar para todos os lados e acabar não acertando nunca. Além dos itens já citados, existem alguns outros produtos bacanas para vender online.

  •   Smartphones: o mercado de smartphones seminovos é bastante interessante, sempre há pessoas interessadas nestes aparelhos, desde que possuam uma boa condição de uso. Mas, é algo indicado principalmente para quem já tem experiência na área.
  •   Produtos Geek: os filmes de super heróis arrecadam bilhões nas salas de cinema e o público fã de produtos Nerd/Geek é fiel. Miniaturas, canecas e almofadas são algumas das possibilidades.
  •   Eletrodomésticos: estes aparecem entre os produtos que mais vendem pela internet, então apostar em geladeiras, fogões, mesas, cadeiras e colchões é uma boa para quem deseja investir na internet.

O importante é utilizar a criatividade, para superar a concorrência de uma maneira eficaz e mostrar que estes itens realmente são importantes para a vida das pessoas, ou elas não irão comprar.

Precisa de ajuda com o marketing digital? Aqui é o lugar certo!

Agora que você conhece os melhores produtos para vender online, é necessário traçar estratégias perfeitas para chegar ao maior número de pessoas possível. Mas, caso ainda tenha alguma dúvida, aproveite o material aqui no nosso blog, certamente o conteúdo ajudará neste momento.

Se você acredita que precisa ter ao seu lado uma agência de marketing digital, com uma equipe completa produzindo conteúdo de qualidade, entre em contato agora mesmo. A EngajaTech tem tudo o que o seu negócio precisa para crescer na internet.